Dermo-conselheiro | Pigment Zero , Cuidados faciais , Pele , Cuidados corporais

Que tipo de protetor solar é mais adaptado a mim?

Algo que não pode falhar no seu saco de praia ou mochila de passeio é um bom protetor solar. Sabemos que uma correta e adequada proteção solar é um elemento imprescindível para prevenir o tão perigoso cancro da pele.

Cada vez existem mais apresentações com grande variedade de formatos e texturas que permitem que a sua aplicação seja muito cómoda e rápida.

Recomendamos que escolha um tipo de fotoprotetor para a superfície facial e outro tipo para as restantes zonas corporais. Além disso, para contribuir para o cuidado e hidratação da pele, aplique produtos específicos para lábios e pálpebras.

O fotoprotetor debe ser resistente à água e ser aplicado-absorvido antes do banho.    Mas lembre-se que após tomar banho reduziu o seu efeito e deve repetir a sua aplicação, depois de estar seco.

 

Que fator de proteção necessita a minha pele?

O fator de proteção ideal deve ter em conta o fototipo individual da pele. Por norma deveria ser no mínimo 20 mas a nossa recomendação é que utilize fatores de proteção entre 30 e 50. Fatores de proteção altos não afetam a produção de melanina, mas asseguram uma adequada e saudável proteção cutânea.

 

Que textura de proteção solar devo escolher?

Para o rosto

Recomendamos que utilize texturas mais leves que possa aplicar assiduamente sem que o produto se acumule e não absorva adequadamente:

  • Creme: costuma conter emolientes mais hidratantes e pode ser apropriado para as peles mais secas.
  • Fluído: é uma textura leve de aplicação muito agradável, que absorve com muita facilidade. Pode ser uma opção para as peles com tendência mista ou oleosa.
  • Gel-creme: é uma fórmula mista que proporciona tanto a hidratação do creme como a absorção rápida do gel. É indicado para todos os tipos de pele.
  • Stick: esta apresentação é ideal para zonas mais sensíveis ou com imperfeições como cicatrizes ou manchas. Dada a maleabilidade, pode ser adequado para qualquer zona danificada da pele que queira dissimular.
  • Lábio: a região do lábio é muito delicada e requer um esmero especial. Existem batons que, além de oferecer fotoproteção, podem ser utilizados para o tratamento de problemas cutâneos como herpes ou outras dermatoses.
  • Pó: existe uma apresentação muito semelhante aos pós utilizados com a maquilhagem, mas absorve e oferece proteção cutânea face à radiação solar.

Para o corpo

Normalmente as texturas são mais leves e têm uma função primordial, que é proporcionar facilidade na aplicação:

  • Loção: é a apresentação mais habitual e costuma ser muito fácil de aplicar. Além disso, os seus emolientes possuem componentes muito hidratantes. Necessita de mais tempo para absorver.
  • Espuma ou spray: é uma textura que fornece uma sensação refrescante durante a aplicação. Oferece a hidratação necessária e tem como virtude essencial a sua rápida e excelente absorção.
  • Óleo: costuma apresentar-se com uma textura muito fluída, mas a aplicação costuma ser mais lenta que a de uma loção. Proporciona uma sensação sedosa sem ser excessivamente oleosa, mais seca. Por ser transparente, a sua aplicação é muito agradável.

Seja qual for a opção que escolha de todas as que apresentamos, o importante é que sempre que apanhar sol use um protetor solar adequado para a sua pele e o seu fototipo. Lembre-se, disso depende a saúde da sua pele.


autor
Dermo-conselheiroEspecialista em cuidados com a pele

Twitter

Facebook

Cookies

Subscrição a MartiDerm

Está a subscrever a nossa newsletter para estar atualizado(a) sobre todas as novidades da MartiDerm.

EMAIL