Dermo-conselheiro | Essentials , Cuidados faciais , Pele

Conselhos para os cuidados da pele seca

Há umas semanas falámos dos cuidados da pele oleosa, hoje vamos centrar-nos nos cuidados da pele seca. Lembre-se que cada tipo de pele necessita de cuidados específicos. Desta forma, o ponto de partida para aplicar um bom tratamento dermocosmético é identificar o tipo de pele que temos, para assim proporcionar-lhe, de forma correta, o que realmente necessita.

Como detetar que tem pele seca?

 Uma pele seca caracteriza-se por gerar pouca quantidade de lípidos, o que implica que a nossa pele produz pouco óleo ou gordura (ao contrário da pele oleosa). O primeiro sintoma que mostra que estamos diante de uma pele seca é a falta de hidratação. A pele fica esticada e áspera e nota-se que lhe falta humidade.

Além disso, se a pele seca persiste e não a tratamos corretamente, entraremos numa nova etapa: Pele muito seca. Este tipo de pele caracteriza-se por ser muito repuxada, escamosa, gretada e pruriginosa. Isto contribui para o envelhecimento cutâneo prematuro e a aparecimento de rugas.

Outro sintoma que detetamos é que as peles secas têm uma maior tendência a ser peles sensíveis, reativas ou intolerantes. Concluímos que é um tipo de pele que necessita de muita hidratação, mas que devemos ter cuidado com os produtos usados para o tratar.

Estamos assim diante de peles secas e desidratadas. São peles que além de produzirem pouco óleo ou gordura na pele, a percentagem de água que possuem é muito baixa. Este tipo de pele é muito comum, já que a pouca superfície de pele oleosa que tem favorece a perda de água muito rapidamente.

Que passos devemos seguir para o tratamento da pele seca?

 

Passo 1: A higiene facial diária é fundamental

Devemos realizar uma dupla limpeza diária: de manhã e à noite. Além disso, devemos evitar fazê-lo apenas com água dado que a mesma não elimina as partículas lipófilas adequadamente. O uso continuado de água pode secar a pele e favorecer a evaporação do conteúdo aquoso da camada córnea. As soluções de limpeza em forma de óleo são as mais recomendáveis para este tipo de pele. Na MartiDerm dentro da nossa linha Essentials, destacamos o óleo de limpeza micelar. Com este óleo de limpeza eliminará as impurezas e a maquilhagem, além de hidratar e nutrir a pele. Não deixa sensação de gordura.

Passo 2: Hidratar, hidratar, hidratar! 

Os produtos utilizados para fornecer hidratação à pele seca têm a particularidade de atuar deixando na superfície e em camadas exteriores da pele substâncias que ajudam a reter a água que necessita no seu interior e dar-lhe uma textura mais suave, flexível e menos áspera.

É importante utilizar soluções hidratantes que ajudem. Entre as ampolas da MartiDerm para este tipo de pele seca destacamos as ampolas PROTEOGLICANOS que hidratam de forma intensiva, fornecendo luminosida e reduzindo as rugas. Além disso, se tem a pele excessivamente seca, recomendamos que depois da ampola aplique o creme hidratante Vital-Age para peles secas e muito secas que restaura a vitalidade cutânea e a sua elasticidade hidratando e dando luminosidade.

Se queremos potenciar a hidratação, recomendamos aplicar um sérum hidratante (antes das ampolas de proteoglicanos e do creme hidratante). Este passo extra irá ajudar a compensar a perda de água e fornecerá mais elasticidade e luminosidade ao rosto.

Passo 3: Aplicar máscaras nutritivas 1 vez por semana

Este passo é fundamental A pele seca devido à falta de humidade, pode apresentar um aspeto apagado e sem elasticidade. Aplicando uma máscara nutritiva devolvemos essa luminosidade perdida. Dentro da linha de produtos MartiDerm recomendamos para as peles secas, aplicar a máscara Hidro Mask que hidrata e reafirma e pode ser aplicada duas vezes por semana. Procure uma vaga na sua agenda e aplique semanalmente uma dose extra de hidratação.

Passo 4: Esfoliar a pele a cada duas semanas

Livrarmo-nos das células mortas é o melhor passo para exibir um rosto saudável e cuidado. Mas, se a pele é seca, não é recomendável fazê-lo com excessiva frequência. Mas não se esqueça de esfoliar o seu rosto a cada duas semanas para ajudar à regeneração da pele.

Passo 5: Escolha maquilhagem adequada

Por fim, tenha cuidado com a maquilhagem. Alguns cosméticos em pó podem ressecar mais o seu rosto.


autor
Dermo-conselheiroEspecialista em cuidados com a pele

Twitter

Facebook

Cookies

Subscrição a MartiDerm

Está a subscrever a nossa newsletter para estar atualizado(a) sobre todas as novidades da MartiDerm.

EMAIL